Blogue acerca da terra, das pessoas, dos costumes e da História de PADORNELO, freguesia do concelho de Paredes de Coura, distrito de Viana do Castelo, publicado por JOFRE DE LIMA MONTEIRO ALVES.

.Capela das Angústias

.Capela do Amparo

.Correio Electrónico

Contacto via jofrealves@sapo.pt

.Os Meus Blogues

.Janeiro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Artigos Recentes

. PADORNELO NAS JANEIRAS DE...

. PADORNELO NAS JANEIRAS DE...

. PADORNELO NAS JANEIRAS DE...

. PADORNELO NAS JANEIRAS DE...

. PADORNELO NAS JANEIRAS DE...

. PADORNELO NAS JANEIRAS DE...

. PADORNELO NAS JANEIRAS DE...

. FALECEU O ANTÓNIO LIMA

. FALECEU O ALBERTO RODRIGU...

. FALECEU O SR. FERNANDO PE...

.Arquivos

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

.Temas

. todas as tags

.LIGAÇÕES


.subscrever feeds

blogs SAPO
Sexta-feira, 23 de Julho de 2010

TOPONÍMIA DE PADORNELO

    O amigo Amâncio Barbosa Lourenço, digno presidente da Junta de Freguesia de Padornelo, teve a amabilidade de dar-me a conhecer o projecto para atribuição de nomes às ruas e largos da nossa localidade, que foi submetida a aprovação pela Assembleia de Freguesia de Padornelo.

 

    É o consubstanciar dum sonho, pois fui o primeiro a defender, perante quem de direito, da necessidade de serem atribuídos nomes de arruamento e numeração de polícia para a nossa localidade, que vão agora figurar nas placas toponímicas.

 

    A Junta de Freguesia de Padornelo deu mais um importante passo no caminho da modernidade, que significa, também, a promoção deste projecto, com raízes fundas na realidade toponímica tradicional da nossa terra. Afinal, na realidade, pouca coisa muda, de forma a serem aceites na medida do possível pela maioria da opinião pública.

 

    Os topónimos que designam as artérias da nossa aldeia foram estudados com o maior cuidado e rigor, de modo a que se adaptassem o mais perfeitamente possível à necessidade das populações e à preservação dos valores tradicionais, culturais e históricos da freguesia, forma de o resguardar para as gerações futuras.

 

    A Rua das Angústias começa na Ponte dos Brunheiros e vai até ao lugar da Cabeluda. O espaço adjacente à carvalheira e Capela de Nossa Senhora das Angústias vai receber o nome do grande benemérito José Narciso Monteiro, justamente recordado pelo seu enorme humanismo e filantropia, passando a ser Largo de José Narciso Monteiro.

 

    Teremos também a Rua de Cima de Vila, a Rua de Senrelas, a Rua de Paradelhas, a Rua da Chão, cuja localização não levanta dúvidas, pois acompanham os diversos sítios e lugares. Nos lugares dos Tojais e de Covas, teremos a Rua do Ecce Homo, a Rua dos Tojais, o Largo da Feira, a Rua de Santa Marinha e a Rua do Padre Casimiro Rodrigues de Sá.

 

    Na estrada para Parada começa a Rua da Valinha e, em seguida, a Rua do Sobreiro, a Rua de Santiago (ou São Tiago), a Rua do Manjoeiro, a Rua das Lagoas, a Rua de Fabais, a Rua de Nossa Senhora do Amparo, a Rua da Chão de Areias, a Rua de Requião, a Rua de Lamarigo e a Rua da Mouta.

 

    Como se vê, houve uma enorme preocupação em respeitar os topónimos populares e os santos que o povo venera, assim como o dever honroso de homenagear duas grandes figuras da história da nossa freguesia durante o primeiro terço do século XX.

publicado por Jofre de Lima Monteiro Alves às 16:52
Regressar ao Topo | Adicionar aos favoritos
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.