Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

PADORNELO

Blogue acerca da terra, das pessoas, dos costumes e da História de PADORNELO, freguesia do concelho de Paredes de Coura, distrito de Viana do Castelo, publicado por JOFRE DE LIMA MONTEIRO ALVES.

Blogue acerca da terra, das pessoas, dos costumes e da História de PADORNELO, freguesia do concelho de Paredes de Coura, distrito de Viana do Castelo, publicado por JOFRE DE LIMA MONTEIRO ALVES.

PADORNELO

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Capela das Angústias

Capela do Amparo

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2005
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D

Correio Electrónico

Contacto via jofrealves@sapo.pt
22
Mar07

FOI BONITA A FESTA

     A Associação Cultural Recreativa e Desportiva de Padornelo comemorou, com excepcional festividade e brilho, os seus 20 anos de existência. O programa era deveras aliciante e abarcava diversas áreas, das artes cénicas à música, passando pelo folclore e actividades mais lúdicas.

 

    De salientar a agradável simpatia, fidalguia e comunicabilidade dos directores, genuínos na arte de bem receber, tudo feito com garra, dedicação e verdadeiro amor à causa e à terra. Uma equipa jovem, contudo, diligente, cujo trabalho faz deste grémio uma das mais activas e laboriosas do concelho. Inegavelmente!

 

    Esta característica, a do total empenho, viu-se, por exemplo, na noite de sexta-feira, quando de forma esforçada e dedicada, grande parte do corpo directivo deu os últimos retoques na sala e na montagem da exposição, lição de paixão e responsabilidade de realçar nesta “prata da casa”.

 

    No sábado, aniversário oficial da associação, a festa atingiu pontos de grande brilhantismo, com uma variada e agradável presença em palco de agrupamentos de Padornelo, Parada, Vascões, Bico, Cunha e Paredes de Coura.

 

    Sem menosprezo pelas demais, destacámos as exibições da jovem cançonetista Magda Pinto, em nome da freguesia de Cunha, a notável rábula teatral levada a cabo pelo Grupo de Teatro do Rancho Folclórico Camponês de Bico, e o folclore apresentado por Vascões com a presença ternurenta de angélicos querubins.

 

    E, sobretudo, a entusiasta apresentação do Grupo Etnográfico da Associação Cultural Recreativa e Desportiva de Paredes de Coura, que muito honrou a festa, mesmo depois de ter actuado num festival em Vila Nova de Cerveira, donde veio directamente para Padornelo, nobre e louvável atitude a todos os títulos.

 

    No domingo, após a informal inauguração da dupla exposição fotográfica que esteve patente, seguiu-se a palestra subordinada ao tema “Padornelo: Lembrar o Que Não Se Esquece”, com a projecção de diapositivos que abraçaram o património humano, religioso, paisagístico, artesanal e de usos e costumes da freguesia.

 

    Assistimos ao magnífico espectáculo musical com a participação do Grupo de Cantigas da Associação Cultural Recreativa e Desportiva de Padornelo, o Coral Polifónico de S. Teotónio de Valença, o Grupo “Ré Maior” da Associação Cultural Recreativa e Desportiva de Mozelos, a Ronda do Coral Polifónico de S. Teotónio e o Coral Polifónico Anduriña de Coruxo – Vigo, da vizinha Galiza. O repertório e a fusão de estilos musicais variados foram de grande agrado.

 

    De seguida, um júri constituído por Joana Rodrigues (directora do Centro Cultural de Paredes de Coura), Amâncio Barbosa Lourenço (presidente da Junta de Freguesia de Padornelo), José Domingos Meira (pároco), o autor destas linhas e uma representante da associação aniversariante, debruçou-se sobre as fotografias concorrentes ao concurso fotográfico “Um Olhar Sobre Padornelo”.

 

    Um pequeno reparo, que é mais um lamento. A ideia era magnífica e tinha pernas para andar, mas o nível de adesão foi surpreendentemente insignificante, congregando somente três concorrentes e um total de 11 fotos, o que constituiu uma surpresa negativa.

 

    Mesmo assim, Maria Luísa Barbosa de Sá arrecadou o primeiro prémio com oito votos, e Eduardo Daniel Cerqueira classificou-se em segundo (seis votos) e terceiro lugar (cinco votos). Curiosamente e por coincidência, todas as imagens galardoadas versavam a capela do Senhor Ecce Homo.

 

    Como os corpos não são somente nutridos por matéria cultural e sentimental, todos os presentes foram honrados com um lauto banquete de mesa farta e salutar convívio, onde não faltou o bolo e o cantar entusiasta de “parabéns”.

 

    Por fim, e extra programa, um grupo espontâneo onde vimos Eduardo Cerqueira, “Quim” Sá, José Luís Barbosa, Amâncio Lourenço e Abel Lima (e outros, cuja omissão é mero lapso meu), juntou-se ao redor duma concertina e entoou algumas modinhas tradicionais, forma substancial de selar um festim que em tudo foi magnífico.

 

    Uma palavra para a óptima afluência de público, que encheu o salão nobre da sede social como espectador sempre interessado e atento.

 

    Recordámos que a fundação oficial da colectividade data de 17 de Março de 1987 e os estatutos foram publicados no DIÁRIO DA REPÚBLICA a 15 de Abril seguinte.

 

    Convém, em boa verdade, lembrar aqui os meritórios fundadores, a quem em parte se deve o sucesso e a vitalidade demonstrada: Amâncio Barbosa Lourenço, José António Santos de Azevedo, Fernando Abílio de Sá e Silva, Manuel Barbosa de Lima, Joaquim da Cunha e Sá, Rosa Clara da Cunha e Sá, Seve­rino António Barreiro, José António de Araújo e Aristides de Sá Peres.

 

    A actual direcção é liderada pela dr.ª Carla Cristina Lima e coadjuvada por José Luís Barbosa, Joaquim da Cunha e Sá, Fernando Abílio Silva, Catarina Sofia de Sá, Marlene Vaz Barbosa, Jorge Soares de Lima e Angélica Sofia de Sá. Maria Luísa de Sá preside à Assembleia Geral e José Carlos Meneses ao Conselho Fiscal.

 

    Para todos o meu bem-haja, pela maneira natural e diligente posta na organização e apresentação empenhada do evento, em particular à presidente Carla Lima e ao secretário Fernando Abílio Silva. Foi bonita a festa!

 

Jofre de Lima Monteiro Alves

                

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Capela das Angústias

Capela do Amparo

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2005
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D

Correio Electrónico

Contacto via jofrealves@sapo.pt